7 coisas que toda mulher deveria fazer ao menos uma vez na vida

7 coisas que toda mulher deveria fazer ao menos uma vez na vida 7 coisas que toda mulher deveria fazer ao menos uma vez na vida

Encontrar um bom marido, casar-se e ter filhos: há não muitos anos, esses eram os maiores sonhos de grande parte das mulheres. Elas renunciavam à vida pessoal para serem apenas companheiras de seus maridos. Devagar, esse cenário foi mudando, a mulher passou a buscar uma vida profissional própria e a ter seus próprios objetivos.

Nada foi fácil, muitas precisaram lutar para que, hoje, as mulheres estivessem mais próximas à realidade masculina. Sendo assim, honrar a luta dessas guerreiras é quase uma obrigação para com a história e, claro, a diversão. Confira algumas coisas que toda mulher deveria fazer, ao menos uma vez na vida.

1 – Viajar com as amigas – e somente com as amigas

Estar entre mulheres, apenas, é conhecer uma liberdade que só pode existir dessa forma. Imagine, então, transferir essa liberdade para uma viagem só de vocês. Escolham um lugar bacana e aproveitem alguns dias na companhia da amizade e da diversão. Não se privem de viver esses momentos e vocês terão uma série de memórias exclusivas do grupo. Coisas para contar aos namorados, depois aos filhos e até aos netos.

2 – Viajar sozinha

É preciso ter certa dose de coragem, mas a experiência será recompensadora. Ir para um lugar desconhecido sem a ajuda ou companhia de alguém querido te força a mergulhar de cabeça na cultura local e fazer amizade com muita gente legal, pessoas pelas quais você passaria reto se tivesse companhia. Além de divertida, a experiência tem tudo para ser uma jornada de autoconhecimento. Você descobrirá muitas coisas sobre si mesma que nem imaginava. Portanto, faça as malas, escolha o destino e, de quebra, descubra quem você é de verdade.

3 – Ter amigos homens

Dizem que a amizade verdadeira entre homem e mulher não existe, mas isso não é verdade. É claro que pode haver interesse de um envolvimento, a princípio mas, passado esse primeiro impacto, você ganhará um amigo de verdade. A amizade de um homem é completamente diferente da amizade de uma mulher. Eles são mais sinceros e mais leais. Ser amiga de um homem é ter um ombro seguro no qual chorar quando se leva um fora e, sobretudo, ter uma opinião verdadeira sobre seus problemas.

4 – Morar sozinha

A “prova real” do autoconhecimento. Quando uma mulher mora sozinha, ela tem todo o tempo do mundo para organizar sua rotina como bem entender. Arrumar a casa, sair com as amigas, assistir televisão, deixar o quadro na parede A ou na parede B: todas essas decisões dizem respeito somente a ela e, por isso, a mulher tem a oportunidade de aprender a lidar consigo mesma. Isso também é importante para que ela aprenda a se virar, trocar as próprias lâmpadas, regular a antena da televisão e, claro, conviver com seus momentos de solidão e TPM, por exemplo, sem apelar aos pais ou ao namorado.

5 – Investir

Nem só de alegria é feita a vida. Sendo assim, é fundamental que a mulher aprenda a ser financeiramente organizada. Não é preciso anotar tudo que se gasta, mas seria bom que toda mulher tivesse uma graninha própria guardada ou investida em algum lugar. Isso evita que ela dependa de outras pessoas (pais ou marido, por exemplo) quando tiver vontade de fazer algo por si mesma, como pagar uma cirurgia plástica, embarcar em uma viagem ou comprar uma casa.

6 – Pedir demissão

Isso mesmo. Toda mulher deveria ter a cara e a coragem de sair de um emprego chato, que pague mal ou que a esteja explorando – seja financeiramente, seja intelectualmente. Não é fácil, mas vale a pena. Mulheres bem resolvidas não têm medo de dar a cara a tapa, mesmo quando o assunto é profissional. Se você não está satisfeita com o emprego que tem, organize-se para mudar de ares: procure um emprego novo – algo que você goste de fazer ou que seja financeiramente interessante – e, assim que o encontrar, peça demissão sem pensar duas vezes.

7 – Radicalizar

Vale mudar a cor ou o corte do cabelo, comprar roupas de estilos que você nunca usou, destinar uma parede da sua casa para rabiscos ou uma arte inusitada, enfim, o que importa é sair completamente da rotina. Não tenha medo da mudança, ela é importante para que você tenha histórias para contar sobre si mesma. Se algo der errado – a cor do cabelo não te agradar, por exemplo -, melhor ainda, a vida é, na verdade, feita de escolhas erradas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s